CoberturasSeguro Viagem

Seguro viagem: guia completo para contratar a proteção

Está preparando uma viagem, seja de férias ou a trabalho, e está em dúvida se deve ou não contratar um seguro viagem? Então saiba que a proteção é fundamental para garantir uma estadia muito mais tranquila, mesmo em casos de imprevistos como necessidade de atendimento médico, perda de bagagem ou outras situações comuns em qualquer viagem.

COMPARADOR DE SEGURO VIAGEM

Faça agora a cotação e conheça as melhores opções de seguradoras e planos para sua viagem. Em parceria com o Seguros Promo, garantia do melhor preço.

  • O seguro viagem garante assistência médica e de viagem, a cobertura pode ser nacional ou internacional.
  • O seguro viagem é barato, a partir de R$ 15,33 por dia é possível contratar a proteção internacional e por apenas R$ 4,66 por dia a cobertura nacional.
  • O seguro viagem é obrigatório em muitos destinos como a Europa, com a pandemia a proteção passou a ser exigida em mais países.

O que é seguro viagem?

De forma simples, seguro viagem é um documento que garante cobertura contra imprevistos e inconvenientes desagradáveis ​​que podem acontecer em uma viagem, seja nacional ou internacional. Ele cobre desde problemas mais simples como um atraso de voo até casos de acidentes graves. Ou seja, ele é projetado para compensá-lo se você tiver problemas durante uma viagem ao exterior.

O seguro é um contrato estipulado com uma seguradora de viagem, que oferece reembolsos, indenização e assistência para qualquer problema que tenha sido previamente incluído na apólice.

É o seguro de viagem que permite viajar com mais tranquilidade, evitando ter de lidar com despesas inesperadas que, por vezes, podem tornar-se muito elevadas, como os custos de um atendimento médico, por exemplo. Portanto, viajar sem cobertura pode tornar a sua viagem muito mais cara.

E, especialmente em tempos de pandemia de Covid-19, diante de tantas incertezas que limitam os planos de viagem internacionais, o seguro oferece proteção vital se você estiver planejando uma viagem ao exterior.

Por que contratar a proteção?

Existem dois motivos principais para contratar um seguro viagem: economia e tranquilidade! O primeiro ponto é a economia. Primeiramente, é importante enxergar o seguro com um investimento. Isso porque, os gastos que você teria sem a proteção seriam muito mais altos do que o valor do seguro.

Imagine, por exemplo, uma viagem aos Estados Unidos e você sofre um pequeno acidente e precisa de atendimento médico. Você sabe aonde ir? Para quem ligar? Quanto custa? Como pagar?

Os custos desse atendimento podem ser muito altos. Porém, com um seguro em mãos, basta acionar a seguradora e ela irá orientar em todos os procedimentos e os preços serão custeados, conforme o valor contratado. Além disso, ele garante muito mais tranquilidade. Afinal, sua viagem será muito mais tranquila, sabendo que terá todo o amparo caso ocorra qualquer imprevisto.

cobertura do seguro viagem

Outro exemplo? Quando você tem um seguro com benefícios de cancelamento de viagem, você pode obter um reembolso por custos pré-pagos e não reembolsáveis de viagem quando você cancelar por um motivo coberto. As razões cobertas podem incluir situações como doença grave ou lesão do segurado, a morte do viajante segurado, companheiro de viagem ou membro da família; um desastre natural ou outro evento que impossibilite a sua viagem.

O que o seguro viagem cobre?

Um seguro de viagem tem várias coberturas, algumas são obrigatórias e outras opcionais. As coberturas obrigatórias são estipuladas pela Susep, na Resolução CNSP nº 315/2014 e variam para planos nacionais e internacionais.

Nos planos de seguro viagem internacional as coberturas obrigatórias são:

  • Despesas médicas e hospitalares (DMH): cobre ou reembolsa despesas que podem ocorrer após o viajante precisar de assistência médica em caso de doença ou acidente;
  • Traslado médico: cobre os custos para levar o viajante até o hospital mais próximo;
  • Traslado de corpo: em caso de morte por acidente ou enfermidade súbita, é a liberação e o transporte do corpo até a residência ou local do sepultamento;
  • Regresso sanitário: cobre os custos da viagem de retorno ao Brasil quando não há condições de uma viagem em voo regular, como em caso de UTI, por exemplo.

Nos planos de seguro viagem nacional apenas um dos itens é obrigatório, sendo que o mais comum é que as seguradoras ofereçam todos eles.

Coberturas opcionais

Essas coberturas são obrigatórias, ou seja, não é possível comercializar um seguro viagem no Brasil sem elas. Mas também existem algumas coberturas adicionais, que tornam sua viagem ainda mais tranquila. As mais comuns, oferecidas pela maioria das seguradoras são:

  • Seguro de bagagem: o viajante está protegido contra acidentes, perda ou roubo de bagagem. Pode ser complementar (completa o valor pago pela companhia aérea, até chegar ao valor estabelecido na apólice) ou suplementar (recebe o valor máximo da apólice, independente do que for pago pela companhia aérea);
  • Cancelamento de viagem: reembolsa as despesas de viagem já gastas em caso de cancelamento, como o custo da passagem aérea, o custo do hotel e os custos adicionais para reservar uma nova viagem;
  • DMH para Covid-19: cobre as despesas médicas e hospitalares em caso de diagnóstico de Covid-19.

O seguro viagem é obrigatório?

Depende do destino! De modo geral, o seguro de viagem é sempre recomendado. No entanto, em alguns países o seguro é obrigatório e, nesses casos, as autoridades não permitem o acesso ao país sem o seguro, ou não lhe concedem visto sem a apresentação do documento.

Os principais destinos em que o seguro é obrigatório são:

  • Europa nos 26 países que fazem parte do Tratado Schengen;
  • Cuba;
  • Equador.

Sem contar que no caso dos países do Tratado de Schengen, ainda é exigido que o seguro tenha uma cobertura mínima de 30 mil euros por pessoa para cobrir as despesas médico-hospitalares. Mas, embora alguns dessa lista não façam parte da União Europeia, eles aderiram a esse acordo e suas exigências como a Islândia, Noruega, Suíça e Liechtenstein.

Além desses países, outros lugares pelo mundo também exigem que os turistas contratem o seguro para que eles possam entrar no país. Na América Latina, três países exigem essa proteção: Venezuela, Equador e Cuba.

Com a pandemia da Covid, muitos países passaram a exigir a proteção, por isso, antes de embarcar sempre consulte a lista de países em que a proteção é exigido.

Como contratar a proteção?

Existem diversas formas de contratar uma apólice. Mas a principal, mais econômica e vantajosa é por meio de sites comparadores de seguro viagem. Neles, você encontra em uma única busca diversas seguradoras.

Entre os comparadores disponíveis recomendamos o Seguros Promo e a Real Seguro Viagem. Em ambos, basta inserir as informações da viagem e analisar as melhores opções para seu perfil. Ainda, os preços costumam ser mais econômicos que os praticados pelas próprias seguradoras.

Há a possibilidade de contratar diretamente pelo site de cada seguradora. Mas esse é um processo mais demorado e pouco econômico. Isso porque, os preços costumam ser mais altos e você deverá pesquisar as cotações uma a uma para ver as melhores opções.

Uma última alternativa é por meio de corretores de seguros. Porém, essa é a opção mais cara porque eles precisam receber pelo trabalho feito, então, os preços não costumam ser muito atrativos.

Quanto custa um seguro viagem?

Mas, quanto custa um seguro viagem? Os valores dependem de uma série de fatores como o destino e a duração da viagem, também impactam no preço a idade do viajante.

Para ajudara entender os preços, fizemos uma cotação no Seguros Promo para uma viagem de 10 dias em vários destinos. A cotação foi feita no dia 3 de fevereiro de 2022. Veja os valores para diversos perfis de viajantes.

Europa

CoberturaUA 40 Especial MundoAffinity 60 Europa Promocional Covid-19 Silver5AC 150 Mundo Covid-19 (exceto EUA)Coris 250 Europa Basic + Covid19
Despesa médica hospitalar (DMH)USD 40 milUSD 60 milUSD 150 milEUR 250 mil
DMH por Covid-19NãoUSD 5 milUSD 30 milUSD 10 mil
Regresso sanitárioUSD 20 milUSD 30 milUSD 60 milEUR 50 mil
Seguro bagagem extraviadaUSD 1.200 (suplementar)USD 800 (suplementar)USD 1.200 (complementar)EUR 1 mil
Valor R$ 193,05R$ 256,76R$ 600,01R$ 439,93

Estados Unidos

Cobertura Affinity 60 USA & Canada Promocional Covid-19 Silver10GTA 75 Euromax Covid-19 Plus10Coris 100 USA Basic +Covid19 AC 150 Am. Norte Covid-19
Despesa médica hospitalar (DMH)USD 60 milUSD 75 milUSD 60 milUSD 150 mil
DMH por Covid-19USD 10 milUSD 10 milUSD 10 milUSD 30 mil (Dentro da DMH)
Regresso sanitárioUSD 30 milUSD 40 milUSD 50 milUSD 60 mil
Seguro bagagem extraviadaUSD 800 (suplementar)USD 1.200 (complementar)USD 1 milUSD 1.200 (complementar)
Valor R$ 376,96R$ 563,77R$ 475,80R$ 717,40

Internacional

Cobertura Coris 30 mundo Basic +Covid19 (Exceto EUA)Affinity 60 Inter PromocionalIntermac 60 Long Stay Inter (exceto EUA) Covid-19 Top10AC 150 Mundo Covid-19 (Exceto EUA)
Despesa médica hospitalar (DMH)USD 30 milUSD 60 milUSD 60 milUSD 150 mil
DMH por Covid-19USD 5 milNãoUSD 10 milUSD 30 mil (Dentro da DMH)
Regresso sanitárioUSD 30 milUSD 10 milUSD 50 milUSD 60 mil
Traslado de corpoUSD 20 milUSD 8 milUSD 50 milUSD 15 mil
ValorR$ 245,07R$ 153,32R$ 463,76 R$ 600,01

Nacional

Cobertura AC 15 Brasil Covid-19GTA Brasil 18 Covid-19 Plus10Affinity 18 BrasilCoris 30 Basic Brasil
Despesa médica hospitalar (DMH)R$ 15 milR$ 18 milR$ 18 milR$ 30 mil
DMH por Covid-19R$ 15 mil (Dentro da DMH)R$ 10 milNãoNão
Regresso sanitárioR$ 15 milR$ 18 milR$ 18 milR$ 50 mil
Seguro bagagem extraviadaR$ 500 (complementar)R$ 600 (complementar)R$ 600 (suplementar)R$ 1 mil
Valor R$ 68,76 R$ 99,72R$ 56,58R$ 80,76

Qual o melhor seguro viagem?

A verdade é que não existe um melhor seguro viagem que atenda a todas as pessoas igualmente. Cada viajante tem suas necessidades específicas, por isso, há um plano que lhe atende melhor, mas não a todos os viajantes. No entanto, uma boa proteção deve ter:

  • Coberturas que atendam as suas principais necessidades e objetivos;
  • Preço que caiba em seu orçamento;
  • Boa reputação da seguradora;
  • Facilidade em contatar a seguradora.

Qual melhor seguro viagem para a Europa?

Primeiramente, é preciso lembrar que para a maior parte da Europa, o seguro viagem é obrigatório. Ou seja, não é possível entrar nos países que fazem parte do Tratado Schengen sem a apólice. O tratado estabelece que os requisitos mínimos  são DMH de EUR 30 mil ou equivalente em outra moeda, além de cobrir regresso sanitário, traslado de corpo em caso de morte e traslado médico.

Outros países europeus que não fazem parte do Tratado, como Reino Unido, não exigem o seguro. Mas, é sempre bom contratar o melhor seguro viagem Europa com tais requisitos para entrar no continente.

Qual o melhor seguro de viagem para os Estados Unidos?

De forma geral, um bom seguro viagem para os Estados Unidos deve ter, principalmente, uma boa cobertura para despesas médicas e hospitalares. Isso porque, no país, os custos com saúde são altíssimos.

O recomendado é que essa cobertura seja de, pelo menos, USD 60 mil para a maior parte dos viajantes. Já idosos e pessoas com doenças pré-existentes devem contratar coberturas mais altas, quando possível. Para ajudar, confira nosso ranking atualizado com os melhores planos de seguro viagem Estados Unidos.

Qual o melhor seguro viagem internacional?

Já um seguro para viagem internacional cobre a maior parte dos países do mundo. Eles costumam ter coberturas amplas para garantir os requisitos mínimos em locais que exigem a apólice, como na Europa.

contratar seguro viagem

Um detalhe importante sobre o seguro internacional é que muitos excluem os Estados Unidos da cobertura. Então, se for passar pelo país, confira a informação antes de contratar a apólice. Portanto, não deixe de conferir as melhores opções de seguro viagem internacional e saia do Brasil tranquilo de que terá a cobertura necessária para o seu destino.

Qual o melhor seguro viagem para o Brasil?

Os planos de seguro viagem para o Brasil são ainda mais econômicos e vantajosos. Por exemplo, acima vimos planos a partir de R$ 4,66 por dia.

Um bom plano deve ter cobertura para despesas médicas e hospitalares, Covid-19, regresso sanitário, problemas da viagem, como perda de bagagem. Para ajudar a escolher, confira o ranking com os melhores planos de seguro viagem nacional.

Como acionar a cobertura?

Após contratar a proteção, você sabe como acionar o seguro viagem em caso de emergência? Cada seguradora terá o seu procedimento padrão, mas, de forma geral, você deve seguir os seguintes passos para acionar a cobertura:

  1. Antes da viagem, leia atentamente a apólice para saber em quais casos pode acionar o seguro;
  2. Tenha sempre em mãos o documento para eventuais consultas;
  3. Entre em contato com a seguradora. Normalmente via ligação, WhatsApp ou Skype são meios mais rápidos, mas você também pode enviar um e-mail;
  4. Forneça o número da apólice do seguro;
  5. Aguarde a orientação da seguradora sobre o atendimento;
  6. Se dirija ao local indicado ou proceda de acordo com a orientação.

As maneiras mais fáceis de acionar a seguradora são por telefone e WhatsApp. No entanto, algumas também possuem um aplicativo, para facilitar o atendimento.

Dúvidas frequentes sobre a proteção

Agora que você já conhece melhor o funcionamento do seguro viagem, veja algumas das principais dúvidas a respeito do assunto.

Como comprovar seguro viagem?

A melhor maneira de comprovar o seguro viagem é por meio da apólice de seguro. Ao contratar o seu plano, você receberá em seu e-mail a apólice. Lembre-se de imprimir o documento e ter sempre em mãos.

Algumas seguradoras também apresentam a apólice em um aplicativo. Ainda assim, o ideal é ter o documento em mãos para evitar qualquer problema com acesso.

Como conseguir seguro viagem de graça?

Muitas pessoas acreditam que é possível conseguir um seguro de graça. A verdade é que, na prática, ele não existe.

O Ministério da Saúde emite um certificado chamado CDAM, conhecido como seguro de viagem do INSS, que permite que o viajante tenha atendimento médico na rede pública de saúde de países como Cabo Verde, Itália e Portugal. Mas, a verdade é que o CDAM não substitui o seguro viagem. Primeiramente porque ele garante apenas o atendimento médico em hospitais públicos. Como vimos, o seguro é muito mais abrangente.

Também, apesar de o seguro oferecido pelas bandeiras de cartão de crédito ser gratuito no momento da emissão, as taxas estão embutidas nas anuidades dos cartões que costumam ser elevadas.

Como saber se meu cartão de crédito tem seguro viagem?

Algumas bandeiras de cartão de crédito oferecem o benefício para seus clientes. Para saber se o seu cartão de crédito oferece seguro viagem, você pode entrar em contato com a bandeira ou mesmo consultar no site.

Vale lembrar que o benefício é oferecido para bandeiras premium, como Platinum, Gold ou Black. Isso porque, elas normalmente possuem anuidades mais altas, nas quais o valor do seguro estará embutido. Outro detalhe importante é que para o seguro ser válido, é preciso comprar as passagens com o cartão de crédito e emitir o bilhete antes da viagem.

Como emitir seguro viagem Visa?

O seguro viagem Visa é um benefício oferecido para quem possui cartões Visa Platinum ou Visa Infinite. Para poder emitir o bilhete, é preciso que o titular faça uma compra de passagem ou taxa de embarque com o cartão.

Após isso, o cliente deve:

  • Acessar o site do Portal de Benefícios Visa e efetuar um cadastro;
  • Escolher qual o cartão que possui;
  • Clicar na opção “Bilhete de Seguro”;
  • Inserir as informações solicitadas e confirmar;
  • Aguardar que em até 24 horas receberá um e-mail com a apólice.

Como emitir seguro viagem Mastercard?

O seguro viagem oferecido pelo Mastercard funciona de forma bastante semelhante ao do Visa. É oferecido para clientes das bandeiras Black e Platinum, além disso, é preciso comprar as passagens ou taxa de embarque com o cartão e emitir o bilhete antes da viagem. Veja o passo a passo:

  • Acesse o site da AIG, responsável pelo seguro;
  • Insira os dados do seu cartão de crédito;
  • Digite o código de segurança e seus dados pessoais como CPF e e-mail;
  • Informe a data de compra da passagem;
  • Confirme os dados e aguarde a apólice em seu e-mail em até 24 horas.
Faça agora a cotação do Seguro Viagem

Em parceria com o Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro viagem. Cote e encontre as melhores opções de planos e seguradoras para sua viagem.

COTAR AGORA »

Recomendação Seguro Viagem Pro

Nós do Seguro Viagem Pro recomendamos que você jamais faça uma viagem sem antes contratar um bom plano de seguro. É ele que garante muito mais tranquilidade e economia.

Então, ainda que seu destino não exija a apólice, vale a pena contratar a proteção. Lembrando, que os custos de um seguro viagem são muito baixos, principalmente quando comparados aos gastos que qualquer imprevisto pode acarretar.

Por fim, para que a economia e facilidade sejam ainda maiores, recomendamos que a compra seja feita em um site comparador, como o Seguros Promo.

Ganhe desconto

Agora que você já sabe como o seguro de viagem é importante, temos um presente para você. Ganhe até 10% de desconto contratando sua apólice pelo nosso comparador ou no parceiro Seguros Promo.

Para isso basta inserir o cupom SVP5 no momento do pagamento e na hora você garante 5% de desconto. Para dobrar a economia, basta optar pelo pagamento à vista, via boleto bancário ou PIX. Não perca essa oportunidade e garanta já o seu!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Seguro Viagem Pro.
Dicas para sua viagem:
  • Quer internet no celular em todos os lugares?

    Com o chip internacional da America Chip, você se mantém conectado em todos os momentos da viagem, com internet ilimitada e cobertura em mais de 200 países.

  • Ainda não reservou os passeios para seu destino?

    Na Get Your Guide você reserva todos os passeios com antecedência. Compra ingressos, contrata tours e experiências locais sem se preocupar.

Compartilhe

Andrea Côrtes

Andrea é jornalista que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Já se aventurou pelo Brasil, Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e trabalha em tempo integral com produção de conteúdo sobre morar na Europa, seguros de viagem e dicas de turismo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo