Seguro Viagem

Seguro bagagem: saiba tudo sobre esta cobertura aqui

A maioria dos seguros de viagem oferece como benefício o seguro bagagem. Neste artigo, você encontra a explicação completa de como esta cobertura funciona, o que fazer em caso de problemas com sua mala e dicas para evitar este contratempo que são as bagagens extraviadas.

COMPARADOR SEGURO VIAGEM

Faça uma cotação sem compromissos e conheça todas as opções disponíveis e preços de seguro para a sua viagem. Garantimos o melhor preço aos nossos leitores.

O que é seguro bagagem?

O seguro bagagem é um benefício oferecido pelos seguros de viagem que consiste no pagamento de uma indenização ao cliente quando sua mala é extraviada. O valor pago pela seguradora pode ser complementar ou suplementar, em relação à taxa paga pela companhia aérea responsável pelo voo. Vamos detalhar mais adiante neste artigo a diferença entre esses dois termos.

Se você viaja por uma determinada companhia aérea e a sua bagagem não é entregue imediatamente junto com as malas dos demais passageiros, você pode exigir uma compensação financeira da empresa. Ela tem como objetivo providenciar itens de primeira necessidade, como produtos de higiene pessoal, roupas e sapatos.

Depois de quanto tempo a mala é considerada extraviada?

A partir de 6 horas, a mala já é considerada em atraso. Contudo, algumas seguradoras só oferecem assistência a partir de 24 horas.

Quando o atraso chega a 72 horas, o viajante já tem direito a uma compensação maior. Se a mala não for encontrada em até 7 dias (em voos nacionais) ou 21 dias (voos internacionais), é considerada extraviada.

Quais benefícios fazem parte do seguro bagagem?

A cobertura de seguro bagagem é ampla e, dependendo do seu plano, pode ser acionada em vários momentos – desde o atraso na localização da mala até o extravio definitivo dela. Por isso é muito importante contratar um seguro viagem, pois ele pode ajudar em diversas situações.

Danos à mala

Essa cobertura não está presente em todos os seguros de viagem, então fique atento. Ela garante o pagamento de um valor correspondente aos prejuízos sofridos em caso de danos à mala durante o transporte aéreo. Há alguns riscos que não são cobertos, como você verá adiante. Tudo depende do que está no contrato da sua seguradora.

No plano TA 40 Internacional da Travel Ace, por exemplo, a indenização por danos à mala é de USD180.

Atraso de bagagem

Nem todos os seguros de viagem oferecem este benefício, então é mais um motivo para ler com atenção a apólice antes de fechar a compra. O seguro bagagem que cobre o atraso da mala é aplicável apenas aos voos de ida, ou seja, quando você chega ao seu destino de viagem.

Este benefício garante ao passageiro um pagamento de despesas com compras de artigos de uso pessoal, em consequência do atraso das malas, quando elas estão sob responsabilidade da companhia transportadora.

Em média, as seguradoras consideram o mínimo de 6 horas de atraso para concederem esta cobertura. É o caso dos planos Affinity 60 e ITA 60 Smart Inter, que oferecem USD 200 neste caso. Este valor, na prática, se soma ao valor que a companhia aérea também irá pagar aos passageiros nesta situação.

Confira nossa avaliação da seguradora Affinity e se o seguro viagem ITA vale a pena.

Assistência na localização das malas

A maioria das empresas com seguro bagagem costuma ter este serviço. Nele, a seguradora entra em contato com a companhia aérea constantemente para repassar ao viajante as informações atualizadas da localização da bagagem.

Vale muito a pena contar com essa assistência, principalmente porque, após a localização, a seguradora garante que as malas irão chegar até você.

Faça uma cotação de Seguro de Viagem. Garantimos o melhor preço

Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro de viagem.

Faça uma cotação online sem compromissos e confira as várias opções de seguro para o seu próximo destino.

FAZER COTAÇÃO »

Seguro de bagagem extraviada

E se a mala for considerada perdida definitivamente? Se isso acontecer, o viajante tem direito ao pagamento de uma indenização complementar ou suplementar ao valor já pago pela companhia aérea responsável pelo transporte.

Há planos que oferecem a partir de USD 600, mas a recomendação é contratar uma cobertura que pague um valor mais alto, de pelo menos USD 1.200 complementares.

Se você quer contratar um bom seguro viagem incluindo seguro bagagem, visite o nosso comparador de seguro viagem. Garantimos o melhor preço aos nossos leitores.

seguro bagagem mala

O que fazer se minha bagagem for extraviada?

Aconselhamos que as providências sejam tomadas imediatamente. Após deixar o aeroporto, o viajante tem 7 dias para reclamar suas bagagens, mas esta demora pode reduzir – e muito – as chances de uma indenização.

Providências junto à Companhia Aérea

O viajante tem direito a compensações da empresa aérea responsável pelas suas malas despachadas, a partir de um atraso superior a 72 horas de seu desembarque.

A primeira atitude, então, é procurar o balcão da companhia aérea no aeroporto com o comprovante de despacho da bagagem em mãos. Informe que a sua bagagem não apareceu nas esteiras. Você irá preencher um formulário RIB (Registro de Irregularidade de bagagem) e, em seguida, ir até o escritório na ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) dentro do aeroporto para registrar a ocorrência. Em caso de furto, além do RIB, é indicado fazer um boletim de ocorrência na delegacia.

Com estes registros em mãos, você já avança no processo de indenização pela companhia aérea.

Acionando o seguro bagagem

O passo seguinte é acionar o seguro viagem o mais rápido possível. Ligue para o número indicado no voucher do seguro, conte o que aconteceu e eles irão orientar você. Geralmente, a central de atendimento do seguro bagagem solicita informações sobre seu itinerário e seu endereço temporário no exterior – para que seus pertences possam ser levados até você, caso sejam localizados. Entenda como funciona o sinistro seguro viagem neste artigo.

Como já adiantamos acima, o seguro segue acompanhando os passos seguintes da companhia aérea, na localização de suas bagagens.

Se a mala for considerada perdida pela companhia aérea, o viajante pode encaminhar o pedido de indenização por bagagem extraviada ao seguro.

Documentos necessários

  • Ticket de bagagem original (com a comprovação de embarque e despacho de bagagem);
  • Documento de reclamação por escrito junto à companhia transportadora aérea;
  • Documento da companhia aérea reconhecendo a perda ou extravio permanente da bagagem;
  • Recibos das indenizações pagas pela companhia, se houver;
  • Laudos ou boletins de ocorrência, se for o caso;
  • Orçamentos de reparos da mala ou notas fiscais, se houver.

O ideal, portanto, é sempre contratar um seguro viagem adicional e somar estes dois benefícios – seguro bagagem e indenização da companhia aérea – para enfrentar este tipo de imprevisto.

O que o seguro bagagem não cobre?

O seguro bagagem não cobre danos ou furtos à mala. E ele é pago somente se a bagagem for declarada como perdida pela companhia aérea. Em linhas gerais, a maioria dos seguros de bagagem e das companhias aéreas não cobrem:

  • Danos ao conteúdo da bagagem, especialmente itens valiosos como joias, relógios, obras de arte, dinheiro e eletrônicos. Estes itens jamais devem ser despachados e precisam ir sempre na mala de mão);
  • Danos a óculos, lentes de contato ou aparelhos dentais;
  • Acidentes causados por vazamento de líquidos;
  • Furto parcial do conteúdo da bagagem;
  • Líquidos e bebidas em geral, alcoólicas ou não, assim como quaisquer alimentos, perecíveis ou não;
  • Qualquer tipo de animal;
  • Bagagens que não tenham sido entregues para a responsabilidade da empresa transportadora.

Qual o prazo para receber a indenização?

Depois de registrar a reclamação com a companhia aérea e na ANAC, a empresa aérea tem até 7 dias para pagar a indenização por extravio de bagagem para voos nacionais e 21 dias em internacionais. O valor pago pelo seguro depende da seguradora, mas costuma ser rápido.

Qual o valor da indenização pela companhia aérea?

De acordo com o site da ANAC, a indenização paga segue o limite dos Direitos Especiais de Saque (DES), que chega a um valor próximo de R$5 mil, no máximo.  Em média, os consumidores costumam receber entre R$2 mil e R$4.500.

Lembrando que, para adquirir itens de primeira necessidade, as empresas aéreas costumam pagar cerca de USD 150 (voos internacionais) ou por volta de R$ 300 (voos no Brasil). Não deixe de guardar todos os recibos, que serão exigidos pelo seguro viagem.

Seguro bagagem complementar ou suplementar: qual o melhor?

Seguro bagagem suplementar

Quando seu seguro viagem traz esta opção, significa que o valor pago por ele é somado ao valor pago pela companhia aérea. Se a empresa de aviação pagar R$1 mil pela sua bagagem e o seu seguro bagagem é de USD1.200, você irá receber R$1 mil mais USD1.200. O valor total, considerando a cotação do dólar em agosto de 2019, ficaria aproximadamente R$5.700.

Seguro bagagem complementar

Nesta modalidade, o valor do seguro bagagem complementa o que é pago pela companhia aérea, até alcançar o valor máximo previsto na apólice do seguro viagem. Vamos dar um exemplo: se o valor para extravio de bagagem descrito na apólice é de R$1 mil e a companhia aérea paga R$300, você receberá do seguro R$700 de indenização.

Por isso, o melhor para o viajante é o seguro bagagem suplementar.

Saiba mais detalhes sobre o seguro bagagem complementar ou suplementar neste artigo especial sobre o tema.

Recomendação Equipe Seguro Viagem Pro: cobertura ideal de seguro bagagem

Selecionamos alguns planos com as opções de seguro bagagem complementar e suplementar através do nosso comparador. Embora esta última seja a cobertura mais vantajosa para o passageiro, se o seguro oferecer um valor complementar razoável – de pelo menos USD1.200 (ou R$4.700 reais, aproximadamente) -, pode ser suficiente para cobrir os prejuízos da mala extraviada.

Plano Travel Ace – TA 40 Especial Internacional Intermac 60 Prata Affinity 150 GTA 75 Full Assist Trip – AT 250 Inter
Valor por dia de viagem R$9,72 R$15,72 R$21,87 R$32,31 R$84,12
Danos à mala USD 180 USD 130 USD 150
Atraso na bagagem apenas para voos de ida USD 200 USD 200 (a partir de 6 horas) USD 200 (a partir de 6 horas) USD 600 USD 600
Seguro bagagem extraviada USD 1.200 complementar USD 1 mil suplementar USD 1.200 complementar USD 1.200 complementar USD 1.500 complementar

Como contratar um plano com seguro bagagem

O seguro bagagem é um subproduto do seguro viagem. Para contratá-lo, recomendamos a utilização de sites comparadores de seguro, que oferecem preços acessíveis e são de confiança.

Indicamos o nosso comparador de seguros viagem, pois ele permite visualizar vários planos de uma forma rápida e simples. Não é preciso consultar o site de cada seguradora para contratar. Além disso, nos resultados da busca, o valor do seguro bagagem em casos de extravio já é destacado na primeira página, o que facilita ainda mais.

Outra opção confiável é fazer sua consulta no portal Seguros Promo, que também é um comparador de seguros viagem que utilizamos bastante aqui no site.

Estas duas plataformas oferecem vantagens além dos melhores preços do mercado. Basta utilizar o cupom de desconto SVP5 para receber 5% de desconto imediatos na conclusão da compra. Se o pagamento for realizado à vista com boleto bancário, você recebe mais 5% de desconto.

Como evitar o extravio de bagagem?

Você sabe quais as causas mais frequentes de extravio de bagagem? São várias, como troca de aeronaves em conexões, falha da empresa no momento do check-in e até furto. A mala também pode desaparecer se a etiqueta de identificação da companhia aérea não foi bem fixada ou se um outro passageiro pela a mala por engano na esteira de bagagens.

É possível minimizar as chances de contratempos com alguns cuidados:

  • Identifique sua mala com uma tag e com um cartão dentro da mala, informando nome, endereço, telefone e e-mail;
  • Retire da mala etiquetas de voos antigos;
  • Diferencie sua mala com uma fita ou outra identificação;
  • Na mala de mão, leve itens básicos de higiene e uma muda de roupas, para ter estes objetos de primeira necessidade em imprevistos;
  • Jamais despache itens de valor na mala, especialmente eletrônicos, cartões de crédito, joias e dinheiro;
  • Antes de fechar a mala, tire uma foto do seu conteúdo e do lado de fora. Pode ser importante para comprovar danos à bagagem;
  • Feche a mala com cadeado ou lacre. Para viagens aos Estados Unidos, é importante que o modelo de cadeado seja aprovado pela TSA;
  • Não realize seu check-in em um horário muito próximo ao do embarque;
  • Evite conexões muito próximas, com menos de uma hora (voos nacionais) e menos de duas horas (voos internacionais) de intervalo entre os voos;
  • Evite conexões entre diferentes empresas aéreas;
  • Não descuide da mala perto da esteira de bagagens, quando for ao banheiro ou na praça de alimentação;
  • No final da viagem, estamos sempre um pouco cansados. Mas vale ter atenção ao retirar a mala da esteira, verificando se o cadeado ou lacre estão intactos. Guarde o comprovante da bagagem até confirmar que está tudo certo.

Boa viagem!

Luciana Andrade

Luciana Andrade é jornalista, doutora em história, cursa especialização em marketing digital e não cansa de aprender coisas novas. À frente da Flows Conteúdo & Comunicação, escreve para diversos sites e clientes corporativos. Já morou em cinco cidades - no Brasil e na França - e está sempre planejando a próxima viagem.

Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é jornalista e trabalha com Conteúdo em Marketing Digital em Portugal, onde vive há 5 anos. Apaixonada por viagens, hoje dedica o seu trabalho a dar dicas e orientações a outros viajantes sobre roteiros e seguros de viagens pelo mundo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo