ÁsiaSeguro Viagem

Seguro viagem Hong Kong: confira os preços e como contratar

A Ásia é um destino muito procurado por turistas do mundo todo e certamente ganhou o coração dos viajantes brasileiros. Entre os novos destinos, destacamos o território autônomo de Hong Kong, uma das cidades mais modernas e tecnológicas do mundo. Mas a pergunta que fica é: preciso contratar um seguro viagem Hong Kong?

COMPARADOR DE SEGURO VIAGEM

Faça agora a cotação e conheça as melhores opções de seguradoras e planos para sua viagem. Em parceria com o Seguros Promo, garantia do melhor preço.

Se você também tem dúvida, confira o nosso artigo e entenda se o seguro é obrigatório, quais os principais planos oferecidos e quanto custa contratar o serviço. Vamos lá?

Seguro viagem Hong Kong é obrigatório?

A boa notícia é que o seguro viagem Hong Kong não é obrigatório. Ou seja, é possível entrar no país sem possuir uma apólice de seguro viagem. Mas, claro, a não obrigatoriedade não quer dizer que ele é desnecessário. Muito pelo contrário.

Ao planejar sua viagem para Hong Kong, o seguro viagem deve ser um item primordial. Afinal, ele irá te assegurar em caso de imprevistos comuns em uma viagem internacional como cancelamento de voo ou perda de bagagens. Sem contar problemas de saúde inesperados.

Para se ter ideia, Hong Kong tem um problema sério com a poluição atmosférica, o que pode ser um fator determinante para que seja necessário atendimento médico. Assim, o seguro lhe dará a cobertura necessária.

Além disso, antes da pandemia, nenhum país asiático exigia o seguro viagem, mas atualmente alguns países como o Camboja passaram a exigir. Então, se você quiser visitar outros países, já ter o seguro é a melhor opção.

Não tem certeza quais países exigem seguro? Veja a lista de países em que o seguro viagem é obrigatório.

Por que contratar a proteção?

Apesar de não ser obrigatório, o seguro viagem Hong Kong é altamente recomendado, assim como para qualquer viagem internacional. Mas, Hong Kong ainda apresenta algumas particularidades.

Primeiramente, a poluição ainda é muito alta, o que pode afetar a saúde dos viajantes, mesmo que não tenha problemas respiratórios prévios. Além disso, por ser um território asiático, a culinária é muito diferente do que estamos acostumados, então o seguro irá ajudar em caso de necessidade de atendimento médico por intoxicação alimentar, por exemplo.

O que tem que ter no seguro viagem Hong Kong?

Já sabemos como é importante contratar o seguro viagem para Hong Kong, mas quais as coberturas essenciais que devem constar no seu seguro?

Vale lembrar que cada pessoa tem suas próprias necessidades quando se trata de um seguro viagem. Por exemplo, mulheres grávidas precisam de um plano com cobertura para a gestação, enquanto idosos precisam de um plano que atenda sua idade.

Entretanto, existem algumas coberturas recomendadas que atendem a maioria dos viajantes. Para ajudar, confira algumas delas a seguir:

Despesas Médicas e Hospitalares

A cobertura para Despesas Médicas e Hospitalares (DMH) é um dos principais itens quando se trata de um seguro viagem para Hong Kong. Sendo assim, o valor recomendado é que você contrate um plano com cobertura DMH de, pelo menos, USD 60 mil, assim sua viagem terá mais tranquilidade de segurança.

Já se você tem problemas respiratórios graves ou tem mais de 60 anos, é indicado uma cobertura mais ampla, caso ocorram imprevistos que precisam de cuidado especial.

Despesas médicas para Covid-19

Atualmente, a cobertura para despesas médicas para Covid-19 é essencial para quem vai fazer uma viagem internacional. Sem a cobertura, o viajante deverá arcar com todas as despesas médicas após o diagnóstico da doença.

Sendo assim, é recomendado que o plano contratado cubra, no mínimo, USD 10 mil para despesas com Covid-19, especialmente para pessoas do grupo de risco, idosos e que não foram vacinadas. Aliás, para idosos e pessoas com comorbidades, o recomendado é que a cobertura para Covid-19 seja de USD 30 mil.

Traslados e repatriamentos

Os traslados e repatriamentos são muito importantes em um seguro viagem e é preciso entender cada um. Os traslados médicos são a locomoção do viajante até o hospital mais próximo. Nesse caso, é recomendado um valor mínimo de USD 10 mil.

Já a repatriação sanitária (ou regresso sanitário) é a cobertura do transporte médico do viajante até o país de origem, desde que ele não se encontre em condições de retornar como passageiro em um voo regular, como no caso de UTI, por exemplo. Essa é uma das coberturas mais importantes e essa viagem costuma ser muito cara, especialmente em voos de Hong Kong. Sendo assim, o recomendado é que o valor seja de, pelo menos, USD 50 mil.

coberturas do seguro viagem hong kong

Em caso de morte no exterior, é essencial ter a cobertura para traslado de corpo, ou seja, o seguro irá trazer o corpo de volta para o Brasil e para a família do falecido. Por também ser uma despesa cara, o recomendado é que seja de no mínimo USD 50 mil.

Invalidez por acidente em viagem

Assim como outras cidades asiáticas, o trânsito em Hong Kong pode ser caótico em alguns lugares, especialmente para turistas que não estão acostumados. Por isso, a cobertura para invalidez por acidente em viagem é altamente recomendada.

De forma simples, essa cobertura paga uma indenização total ou parcial em caso de perda, redução ou impotência funcional definitiva de algum membro ou órgão, causado por um acidente durante a viagem. Sendo assim, recomendamos que essa cobertura seja de, pelo menos, USD 40 mil. Assim, você estará amparado caso precise.

Quanto custa o seguro viagem Hong Kong?

Mas afinal, quanto custa um seguro viagem Hong Kong? Obviamente, o valor depende de uma série de fatores como duração da viagem, coberturas contratadas, idade dos contratantes, etc. Para te ajudar, fizemos uma cotação de uma viagem de 10 dias.

A cotação foi feita no comparador do Seguro Viagem Pro no dia 21 de setembro de 2021. Confira os valores.

Cobertura Coris 60 Mundo Basic + Covid-19AC 60 Mundo Covid-19GTA 75 Euromax Covid-19 Plus10UA 150 Mundo Covid-19
Despesas médicas e hospitalares (DMH)USD 60 milUSD 60 milUSD 75 milUSD 150 mil
DMH por Covid-19USD 10 milUSD 30 milUSD 10 milUSD 30 mil
Regresso sanitárioUSD 50 milUSD 40 milUSD 40 milUSD 80 mil
Invalidez por acidente em viagemR$ 50 milUSD 20 milUSD 12 milUSD 30 mil
Cancelamento de viagem total ou plus reasonNãoUSD 500USD 1 milUSD 2 mil
Seguro bagagemUSD 1 milUSD 1.200 (complementar)USD 1.200 (complementar)USD 1.500 (suplementar)
Valor R$ 288,31 R$ 514,83 R$ 567,77R$ 642,34

Qual o melhor seguro viagem para Hong Kong?

Aqui, não existe uma resposta única. O melhor seguro viagem Hong Kong irá depender do perfil do viajante. Por exemplo, uma pessoa de 30 anos, sem doenças pré-existentes, precisa de um plano com coberturas menores do que uma pessoa de 70 anos e que possa ter algumas doenças pré-existentes.

Dessa forma, o viajante deve avaliar alguns pontos e verificar qual a melhor opção de seguro viagem para a sua necessidade. Deve-se considerar pontos como:

  • Orçamento de viagem;
  • Idade do viajante;
  • Coberturas específicas necessárias, como no caso de gestantes, idosos ou praticantes de esportes radicais;
  • Doenças pré-existentes;
  • Segurança na hora da compra.

Onde cotar o seguro viagem Hong Kong?

Afinal, onde cotar o seguro viagem Hong Kong? Uma opção é o site das próprias seguradoras. Mas, esse processo pode ser trabalhoso e sair mais caro porque você deverá descobrir quais são as empresas que oferecem planos para o destino, cotar em cada uma e comparar os preços. Além disso, os valores encontrados podem não ser os mais econômicos.

Já a opção mais vantajosa é através dos sites comparadores de seguro viagem. Nesses, é possível cotar em um único lugar os planos de diversas seguradoras que oferecem o seguro viagem Hong Kong. Aliás, os preços nesses sites costumam ser mais econômicos.

Portanto, se você busca por seguradoras com maior custo-benefício, a melhor opção é procurar em sites comparadores de seguro viagem. Como é o caso do nosso comparador e do Seguros Promo, nosso parceiro. Neles, é possível cotar e comparar o preço de planos de seguro viagem de várias seguradoras em um único lugar.

Em ambos, você pode comparar até quatro planos em uma única tela e fazer a contração na hora com preços econômicos e ainda pode garantir mais desconto. Além disso, também recomendamos o site comparador Real Seguro Viagem, que confiamos e também oferece boas opções de valores.

Faça agora a cotação do Seguro Viagem

Em parceria com o Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro viagem. Cote e encontre as melhores opções de planos e seguradoras para sua viagem.

COTAR AGORA »

Recomendação Seguro Viagem Pro

Como mencionamos acima, o melhor seguro viagem irá depender do perfil do viajante, seus objetivos de viagem e orçamento. No entanto, existem algumas opções que são boas para a maioria dos viajantes.

Na cotação que fizemos acima, recomendamos o plano AC 60 Mundo Covid-19, da Assist Card Seguros. Além de ter cobertura para despesas médicas e hospitalares de USD 60 mil, tem mais USD 30 mil para despesas com Covid-19.

Além disso, o plano cobre gestantes até 28 semanas e pessoas que querem praticar esportes. Tudo isso por apenas R$51 por dia, um excelente custo-benefício.

Ganhe desconto no seguro viagem

Se você quer economizar no seguro viagem Hong Kong, pode ter muito mais vantagens se optar por contratar a apólice em nosso comparador ou no Seguros Promo. Isso porque, nossos leitores podem ganhar até 10% de desconto.

Para garantir a economia e ganhar 5% de desconto, basta inserir o cupom SVP5 no momento do pagamento e a redução é automática. Se quiser dobrar e ganhar mais 5%, você só precisa optar pelo pagamento à vista, via boleto bancário ou Pix. Demais não? Aproveite seu desconto e boa viagem!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Seguro Viagem Pro.
Compartilhe

Andrea Côrtes

Andrea é jornalista que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Já se aventurou pelo Brasil, Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e trabalha em tempo integral com produção de conteúdo sobre morar na Europa, seguros de viagem e dicas de turismo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo