América do SulSeguro Viagem

Seguro viagem Santiago: como contratar o melhor plano

Uma das vantagens de morar na América do Sul é estar cercada por países incríveis para visitar. O Chile, sem dúvida, é um desses destinos preciosos! Se você planeja embarcar rumo a capital chilena saiba como funciona o seguro viagem Santiago, se é obrigatório e o que deve fazer para contratar o plano mais adequado para atender as suas necessidades.

COMPARADOR DE SEGURO VIAGEM

Faça agora a cotação e conheça as melhores opções de seguradoras e planos para sua viagem. Em parceria com o Seguros Promo, garantia do melhor preço.

Seguro viagem Santigo, no Chile, é obrigatório?

O seguro viagem Chile não é obrigatório, isso é, nenhuma autoridade chilena poderá exigir do viajante que ele possua um comprovante de que está assegurado enquanto estiver no país.

De toda forma, apesar de não ser obrigatório, indicamos fortemente que o turista contrate um plano para estar coberto quando sair do território brasileiro.

Lembramos que os turistas não são atendidos pelo sistema público de saúde chileno e toda viagem pode ter contratempos tanto de ordem médica como em termos de burocracias – atraso ou extravio de bagagens ou acidentes de carro, por exemplo. Por um custo diário baixo, você pode garantir que estará bem amparado caso algum desses imprevistos aconteça.

Apesar do Chile não exigir a proteção, outros destinos exigem o seguro viagem América do Sul. Por isso, se a viagem incluir passagens pelo Equador e Venezuela o seguro será obrigatório.

Por que contratar a proteção?

Mas se não é obrigatório, quais são os motivos para contratar o seguro viagem? A seguir listamos os principais.

1. O sistema público de saúde é voltado para os locais

O Chile conta com um sistema público de saúde escasso e que atende basicamente chilenos. Se for turista, portanto, não deve contar com esse atendimento gratuito, nem mesmo em situações de urgência. Nesse caso a indicação é que o estrangeiro se dirija para uma clínica ou hospital privado.

O Chile é conhecido por ter um sistema de saúde de elevada qualidade, dos melhores da América Latina, mas majoritariamente composto por instituições privadas e muito onerosas. Por esse motivo, contar com um seguro viagem irá fornecer tranquilidade extra para a sua viagem.

Conheça os países nos quais não há sistema público de saúde.

2. Risco de intoxicação alimentar

O Mercado Central de Santiago é um passeio clássico imperdível para quem irá visitar a capital chilena. O prédio, construído em 1872, é uma beleza a parte que abriga os mais variados tipos de comida. Um clássico da região são as bancas de peixe, com muitos frutos-do-mar.

Esses pequenos restaurantes servem comida muito diversa e, em geral, fresca. Como o turista brasileiro geralmente não está habituado ao tipo de alimento local e o tempero, pode acabar sofrendo com uma intoxicação alimentar. Não é raro esse gênero de episódio acontecer, caso aconteça com você talvez seja preciso fazer uma consulta rápida no médico para melhorar o mais depressa possível e continuar aproveitando a viagem.

seguro para conhecer Santiago Chile

3. O verão em Santiago costuma ser muito quente

Dependendo da sua cidade de origem no Brasil, você pode estar ou não habituado com o calor. De toda forma, deve estar atento, pois os meses de verão em Santiago contam com temperaturas bastante elevadas.

É frequente que turistas não prevenidos que visitam a cidade nessa época do ano sofram com insolações e desidratações. Tendo em conta o alto custo do atendimento médico local, vale a pena investir em um plano de seguro viagem para garantir consultas gratuitas caso sejam necessárias.

Coberturas recomendadas no seguro viagem Santiago

Agora que você já sabe quais são os principais motivos para contratar um seguro viagem, imaginamos que possa estar meio perdido ao escolher qual é o plano ideal para o seu bolso.

Na tentativa de esclarecermos as suas questões, fizemos esse pequeno guia com os itens mais importantes de todo seguro viagem e os valores que deve ter em mente antes de contratar um plano rumo a Santiago.

Despesas Médicas e Hospitalares

A cobertura das despesas médicas e hospitalares, também conhecidas como DMH, é o item mais importante de qualquer seguro viagem. Esse valor que dizer o limite que terá a sua disposição caso precise de qualquer atendimento médico, isso é, consultas, exames ou até eventuais internações. Por esse motivo, quanto mais alta for a sua cobertura de DMH, mais você estará protegido.

A nossa indicação é apostar em um plano com cobertura a partir de 15 mil dólares caso seja um viajante convencional. Se tiver alguma particularidade – se for idoso ou gestante, por exemplo – aposte em uma cobertura mais elevada, a partir de 30 mil dólares.

Despesas médicas para Covid

Esse item é mesmo muito importante, saiba que hoje em dia nem todos os seguros viagem possuem cobertura para Covid.

Esses planos específicos são mais caros, mas indicamos mesmo que contrate uma dessas opções especialmente se fizer parte de um dos grupos de risco. Se esse for o seu caso, aponte para uma cobertura de DMH em situações de Covid a partir de 20 mil dólares. Se já estiver vacinado e a situação epidemiológica estiver tranquila no destino, a cobertura pode ser mais baixa, de 5 mil dólares.

Traslados e repatriamentos

Os translados e os repatriamentos são outros itens de fundamental importância em qualquer seguro viagem. O translado médico é o item que garante que o segurado terá a assistência adequada do local onde reportou ajuda até o hospital mais próximo. O translado médico é uma cobertura básica presente em todo seguro viagem. Uma cobertura a partir de 5 mil dólares é suficiente para uma viagem a Santiago.

Já o translado de corpo acontece quando o segurado falece durante a viagem. Nessas situações a seguradora se torna responsável pelo transporte do corpo e pelas burocracias em questão até a cidade de origem do segurado dentro do limite de valor estabelecido na apólice. Em termos de uma viagem dentro da América do Sul, uma cobertura a partir de 15 mil dólares é o ideal.

O repatriamento sanitário acontece raramente, só em casos muito graves, mas é a cobertura que garante o retorno do segurado para o local de origem ainda que ele não possa viajar como um passageiro convencional em um voo regular. Essa cobertura do transporte médico do viajante até o país de origem do segurado é de fundamental importância, por isso convém observar o limite apresentado na apólice. Indicamos que, para uma viagem rumo ao Chile, o valor do repatriamento sanitário seja a partir de 30 mil dólares.

Outras coberturas

Outras coberturas importantes que devemos levar em conta são as relacionadas com o seguro bagagem. Especialmente se a sua viagem contar com escalas e trocas de aeronave poderá ter a nada agradável surpresa de ver as suas malas despachadas sofrerem com atrasos, danos ou até mesmo extravios. Verifique com as seguradoras qual é o valor da indenização paga em cada um desses casos.

Você também pode contratar outras coberturas adicionais, como, por exemplo, uma proteção extra em casos de roubos. Esse serviço não faz parte das coberturas obrigatórias, mas frequentemente pode ser adquirida como um serviço adicional.

Qual o preço do seguro viagem Santiago?

Para ter uma ideia de valores, realizamos uma cotação no comparador do Seguro Viagem Pro no dia 2 de julho de 2021.

Simulamos aqui uma viagem de 10 dias com destino a América do Sul. Confira abaixo dois planos básicos e dois completos.

CoberturasIntermac 15 Am. Latina Covid-19 Top5Affinity 15 Covid-19 Silver5Coris 30 Basic +Covid19AC 35 Mundo Covid-19
Despesas Médicas e Hospitalares (DMH)USD 15 milUSD 15 milUSD 30 milUSD 35 mil
DMH por Covid-19USD 5 milUSD 5 milUSD 10 milUSD 30 mil
Cobertura médica para gestanteNãoDentro da DMH – até 32 semanas e 40 anosUSD 30 milDentro DMH – até 28 semanas
Cobertura odontológicaUSD 200USD 600USD 30 milUSD 500
FisioterapianãoUSD 600Dentro DMHUSD 300
Regresso sanitárioUSD 15 milUSD 15 milUSD 50 milUSD 30 mil
Seguro bagagem extraviadaUSD 350 (suplementar)USD 1 mil (suplementar)USD 500 (suplementar)USD 1.200 (complementar)
ValoresR$ 214,14R$ 228,40R$ 206,60R$ 398,53

Qual o melhor seguro viagem para Santiago?

Não existe uma resposta simples e única para essa questão, o melhor seguro viagem Chile irá depender do perfil do viajante. Se você for praticante de esportes radicais terá necessidades muito diferentes das de uma gestante, por isso o ideal é analisar caso a caso para descobrir qual é o melhor plano para o seu perfil.

Para nortear essa pesquisa, independente do seu perfil de viajante, indicamos que observe os seguintes quesitos em termos de valores:

  • Despesas Médicas e Hospitalares (DMH);
  • Despesas Médicas e Hospitalares em casos de Covid (DMH);
  • Translado médico;
  • Repatriação sanitária;
  • Seguro bagagem (atraso, dano e extravio).

Esses são os itens essenciais que deve ter em mente. Quanto mais ampla for a cobertura e mais elevados os valores, melhor é para o segurado.

Se for um viajante convencional com um budget mais limitado para a contratação do seguro, indicamos que invista no plano Intermac 15 Am. Latina Covid-19 Top5, que oferece um excelente custo-benefício protegendo inclusive em casos de Covid 19.

Se puder investir um pouco mais e preferir viajar 100% descansado, o plano que deverá melhor atender as suas necessidades será o Coris 30 Basic +Covid19.

seguro viagem para Santiago

Onde cotar o seguro viagem Santiago?

Na hora de colocar as mãos na massa e efetivamente avançar com a sua cotação, a nossa indicação é que utilize o nosso comparador de seguro viagem para fazer uma pesquisa eficiente. Ao inserir no nosso sistema as datas da sua viagem e o destino, você verá quais são os principais planos disponíveis no mercado com os seus respectivos preços e características. A partir daí poderá escolher até quatro planos para fazer uma comparação mais precisa, listando essas hipóteses lado a lado para visualizar as diferenças item por item.

Indicamos também o nosso parceiro, Seguros Promo. Se quiser ter acesso a outros comparadores e aumentar a gama de planos disponíveis no mercado, recomendamos Real Seguro Viagem.

Faça agora a cotação do Seguro Viagem

Em parceria com o Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro viagem. Cote e encontre as melhores opções de planos e seguradoras para sua viagem.

COTAR AGORA »

Recomendação Seguro Viagem Pro

Agora que você já teve acesso a esse breve guia para escolher o seguro viagem que irá te acompanhar em Santiago, gostaríamos de relembrar e sistematizar quais são os itens mais importantes na hora de uma contratação.

Apesar do Chile contar com um sistema público de saúde, ele não é voltado para os turistas, que devem procurar atendimento na rede privada. Os custos no país costumam ser elevados, por isso a importância de contar com um plano que ofereça boa cobertura em termos de despesas médicas e hospitalares.

O ideal é optar para seguros com coberturas acima de 15 mil dólares, caso seja um viajante convencional, ou uma cobertura acima de 35 mil dólares, caso seja idoso, gestante ou praticante de esportes. Lembre-se também da importância de escolher um plano com cobertura para Covid. Tendo em conta uma viagem para Santiago, o ideal seria contar com uma cobertura a partir de 10 mil dólares.

A nossa recomendação geral em termos de plano para um viajante convencional rumo ao Chile é o Coris 30 Basic +Covid19 que oferece uma boa cobertura, inclusive em casos de Covid 19.

Caso busque um plano mais enxuto, com uma cobertura mais básica, o Affinity 15 Covid-19 Silver5 pode ser uma boa opção. Mas atenção, o plano é mais básico, não sendo indicado para viajantes que possam necessitar de um atendimento médico mais complexo.

Ganhe desconto no seguro viagem

Leitores do Seguro Viagem Pro ainda ganham desconto na contratação da proteção. Ao contratar o plano no nosso comparador ou pelo Seguros Promo, você pode ganhar até 10% de desconto. Para aproveitar o desconto basta escolher a opção pagamento por boleto bancário, que te garante 5% de desconto. Depois é só incluir o cupom SVP5, que garante mais 5% de desconto no seu carrinho. Aproveite o abatimento para adquirir seguros viagem ainda mais baratos!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Seguro Viagem Pro.
Compartilhe

Rebeca Leite

Rebeca é formada em Letras e ama viajar! Nascida no Rio de Janeiro, atualmente mora em Lisboa e trabalha, desde 2018, com produção de conteúdos. Para aprimorar os seus conhecimentos, fez uma especialização em marketing digital e uma pós-graduação em storytelling. Por ser uma brasileira com eternas saudades de casa, adora escrever para outros brasileiros e quer, de alguma forma, facilitar a vida de quem, assim como ela, tem o sonho de conhecer o mundo. Desde fevereiro de 2021, topou o desafio de escrever para a área de seguro viagem ajudando a proteger as viagens de outras pessoas além das delas. Produzir conteúdos sobre seguro viagem é uma forma de conhecer novos destinos, aprender sobre os riscos envolvidos nas aventuras e medir os custos para resolução de problemas. E é também uma forma de ter sempre planos para as próximas férias! Se quiser saber mais sobre a sua trajetória conheça o perfil de Rebeca no Linkedin.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo