Seguro Viagem

Extravio de Bagagem: O seguro cobre? Mostramos o que fazer

Quem já teve uma bagagem extraviada sabe o tamanho da dor de cabeça que esse problema é capaz de dar. No artigo ensinamos o que fazer caso tenha você sofra um extravio de bagagem, como evitar que isso aconteça e se o seguro viagem cobre essa despesa.

COMPARADOR SEGURO VIAGEM

Faça uma cotação sem compromissos e conheça todas as opções disponíveis e preços de seguro para a sua viagem. Garantimos o melhor preço aos nossos leitores.

Como acontece o extravio de bagagem?

Você chega ao destino final ou de volta à casa, fica à espera na esteira e nada da sua mala aparecer. Infelizmente essa história é bem comum, o número de bagagens extraviadas no mundo inteiro é enorme.

Segundo o Sita, apenas em 2016 foram entregues em atraso ou extraviadas 21,6 milhões de malas no mundo todo. Isso quer dizer que a cada 1 mil passageiros, 6 tiveram suas malas extraviadas. A Europa é o continente onde o maior número de extravio de bagagem acontece, e as principais causas são:

  • 47% por troca de bagagens de uma aeronave para outra
  • 16% erros de carregamento
  • 15% problemas com as etiquetas ou por questões de segurança

O que fazer em caso de extravio de bagagem?

O primeiro passo é se dirigir ao guichê da empresa na área de desembarque e preencher o RIB (Registro de Irregularidade de Bagagem). É importante que você guarde sempre com você o comprovante de despacho da sua bagagem, ele será necessário nesse momento.

De acordo com o Código de Defesa do Consumir, a partir do momento em que você despacha a bagagem, ela se torna responsabilidade da companhia aérea que está utilizando. Caso sua bagagem não seja localizada ainda no aeroporto, você deverá receber uma indenização de emergência. Dentro do Brasil essa indenização pode ser de até R$490. Para destinos internacionais geralmente recebe-se 150 dólares ou 100 euros.

Caso ela não seja localizada, a empresa tem no máximo 7 dias para encontrá-la, em caso de voos nacionais, e 21 dias em caso de voos internacionais. Se esse prazo for ultrapassado ou a sua bagagem não for encontrada, a empresa terá que indenizar você.

Quanto é a indenização?

Depende do peso da sua bagagem. O valor máximo de indenização por extravio de bagagem é de R$ 3.450. Nem sempre o valor pago pela companhia deixa os clientes satisfeitos, pelo contratempo, desgaste e perda de objetos pessoais.

E se eu tiver um seguro viagem? Ele cobre?

A maior parte dos seguros de viagem cobre o extravio de bagagem.

Quando você tem um seguro viagem, ele te dá maior segurança e aumenta a sua indenização, mas é preciso estar atento ao tipo de indenização feito pelo seguro na hora de contratar o plano. Existem 2 formas de indenização:

  • Seguro de bagagem complementar: essa opção, como o próprio nome diz, complementa a indenização paga pela seguradora. Por exemplo, se o seu seguro bagagem garante uma indenização de R$1000 e a empresa aérea vai pagar apenas R$200,00 pela sua perda, o seguro irá complementar pagando os demais R$800.
  • Seguro Bagagem Suplementar: esse tipo de indenização pode funcionar de duas formas. Ou a seguradora irá pagar a você 40 dólares por cada quilo de bagagem até o limite máximo estabelecido na apólice de seguro viagem, ou então irá pagar o valor máximo estabelecido na apólice. Ou seja, recebe a indenização da companhia aérea, mais a indenização da seguradora.

Assim que o atraso ou extravio de bagagem for percebido pelo cliente e o RIB preenchido, o cliente deve entrar em contato com a seguradora responsável pelo seu seguro viagem para verificar quais os procedimentos a serem tomados.

Apesar da chateação de perder a sua bagagem, receber uma indenização por parte do seguro sempre ameniza o aborrecimento, por isso a Equipe Seguro Viagem Pro indica que você sempre garanta um seguro viagem que cubra o extravio de bagagem. Para realizar a sua cotação seguro viagem e escolher o melhor para você, clique aqui.

extravio de bagagem

O que não é coberto pela indenização?

Eis aqui outro problema. Nem a empresa aérea nem a seguradora cobre alguns danos que podem ocorrer à sua bagagem extraviada. A lista de restrições à indenização é longa, mas os principais itens que estão de fora da cobertura são:

  • Danos ao conteúdo da mala
  • Perda ou roubo de objetos de valor que estão dentro da bagagem
  • O confisco, apreensão, dano ou destruição da bagagem por parte da Alfândega ou de qualquer outra autoridade governamental
  • Derrame ou vazamento de líquidos
  • Danos causados por traças, insetos ou mofo
  • Bebidas e comidas perecíveis de qualquer espécie
  • A não retirada da bagagem logo que disponibilizada pela empresa.

Saiba todas as coberturas a bagagem danificada aqui.

Como evitar o extravio de bagagem?

É claro que o extravio de bagagem é um imprevisto e pode acontecer com qualquer um. Mas há alguns cuidados que você pode tomar para evitar esse tipo de problema.

Faça uma cotação de Seguro de Viagem. Garantimos o melhor preço

Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro de viagem.

Faça uma cotação online sem compromissos e confira as várias opções de seguro para o seu próximo destino.

FAZER COTAÇÃO »

1- Identifique a sua bagagem

É importante ter um identificador de bagagens com o seu nome, telefone de contato e destino. Assim, caso a etiqueta da empresa aérea se perca, a sua será usada para identificar a bagagem. É sempre bom também diferenciar a sua bagagem para facilitar a identificação. Muitas bagagens são parecidas e podem ser confundidas por outros passageiros na hora de retirar da esteira. Coloque algum tipo de identificação como uma fita amarrada para deixá-la personalizada.

2- Faça um bom planejamento do seu voo

É sempre bom estar atento na hora de fazer a compra dos seus voos para não fazer conexões com menos de uma hora entre um voo e outro para voos nacionais. E para voos internacionais, com menos de duas horas. É quando não há tempo hábil para trocar as bagagens de uma aeronave para outra que o extravio costuma acontecer com maior frequência.

3- Retire todas as etiquetas antigas da sua mala

Ter etiquetas de outros voos em sua mala pode confundir o operador de transporte da empresa aérea. Garanta que apenas a etiqueta atual está presa à sua mala.

4- Evite malas de grife ou que chamam muita atenção

Apesar de acontecer com menor frequência, há pessoas que roubam malas em aeroportos. E normalmente elas ficam de olho em bagagens de grife, de marca, que podem ter itens de valor dentro.

É sempre bom também retirar a sua bagagem logo que ela chegar na esteira. Muitas pessoas preferem ir ao banheiro ou comer alguma coisa antes de retirar a bagagem, e deixar ela rodando na esteira sozinha por muito tempo pode não ser a melhor ideia.

5- Previna-se

É sempre bom levar uma roupa limpa, escovas de dente, um agasalho e outros itens de primeira necessidade na mala de mão. Guarde todas as notas fiscais de produtos comprados que estão dentro da mala. Uma boa ideia é tirar foto da mala arrumada antes de despachá-la, assim você poderá argumentar sobre o valor dos itens que estavam lá dentro na hora de negociar o valor da indenização com a companhia aérea.

Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é jornalista e trabalha com Conteúdo em Marketing Digital em Portugal, onde vive há 5 anos. Apaixonada por viagens, hoje dedica o seu trabalho a dar dicas e orientações a outros viajantes sobre roteiros e seguros de viagens pelo mundo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo