Seguro Viagem

Dicas de seguro viagem: saiba como e onde contratar o seu

Obrigatório para entrar em alguns países e indispensável para visitar outros. Certamente você já sabe que para viajar tranquilo é preciso contratar um bom seguro viagem. Por isso, preparamos este artigo com dicas de seguro viagem que o ajudarão a escolher a apólice internacional de acordo com o seu perfil e destino.

COMPARADOR SEGURO VIAGEM

Faça uma cotação sem compromissos e conheça todas as opções disponíveis e preços de seguro para a sua viagem. Garantimos o melhor preço aos nossos leitores.

Dicas de Seguro Viagem: tudo o que você precisa saber

Confira todas as dicas de seguro viagem abaixo e boas férias:

O que é seguro viagem?

O seguro viagem funciona como um plano de saúde temporário para ser usado fora do seu país de origem. Além de oferecer assistência médica, ele também possui coberturas para diversos casos, como, por exemplo, extravio de bagagem, acidentes decorrentes da prática de esportes radicais (conforme o seguro contratado), cancelamento de voo e várias outras.

Em quais países o seguro é obrigatório?

Os vinte e seis países signatários do Tratado de Schengen exigem que turistas contratem um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros. Além de obrigatório, certamente e necessário já que uma simples consulta pode custar uma fortuna. Além desses países, Cuba, Venezuela e Equador também exigem seguro. A Austrália exige, mas apenas para os estrangeiros que vão estudar no país. Saiba tudo sobre os países que exigem seguro viagem aqui.

Por que contratar um seguro viagem onde ele não é exigido?

Mesmo que você pretenda visitar um país que não exija a contratação de uma apólice internacional de viagem, é essencial viajar com um seguro. Vejamos o caso do seguro para os Estados Unidos, que embora não seja obrigatório, é indispensável.

Para você ter ideia, uma consulta médica pode custar mais de USD 300. Enquanto uma única diária hospitalar pode ultrapassar os USD 5 mil. Portanto, é melhor prevenir do que remediar, não é mesmo?

Qual o melhor seguro viagem?

O melhor seguro viagem vai depender de vários fatores, como destino de viagem, perfil de turista e o tempo de permanência em solo estrangeiro. Você deve escolher aquele que prontamente atenderá aos imprevistos que podem acontecer durante a sua estada em outro país. Portanto, deve levar em conta o seu perfil e necessidades individuais.

Por exemplo: grávidas devem contratar um seguro viagem gestante; pessoas hipertensas devem procurar um seguro viagem que ofereça cobertura para doenças preexistentes. Já quem vai praticar esqui ou ciclismo, ou qualquer outro esporte de aventura, deve contar com uma apólice que contenha cobertura para a prática de esportes radicais.

Existe diferença entre Assistência e Seguro Viagem?

Tanto a assistência quanto o seguro viagem oferecem assistência médica internacional. Até 2016, a Assistência à Viagem e Seguro Viagem eram vendidos como produtos separados. Mas partir de março de 2016, a Superintendência de Seguros Privados (SUSEP) colocou em vigor a Resolução 315/2014 que alterou a venda desse tipo de produto e facilitou a vida dos viajantes.

Seguro Viagem

Antes da resolução, o seguro viagem só funcionava na forma de reembolso do seguro viagem. Isso significa que em caso de emergência médica, o segurado deveria arcar com todas as despesas do atendimento, guardar os comprovantes e depois solicitar o reembolso à seguradora. Ele é limitado ao valor estabelecido no contrato).

A vantagem do seguro viagem é poder ser atendido em qualquer hospital ou clínica, mesmo que eles não façam parte da rede conveniada estabelecida pela seguradora. Já como desvantagem, temos o fato de ter que ter um cartão de crédito com limite alto e o processo de reembolso ser um procedimento burocrático e em muitos casos, demorado.

Assistência Viagem

Já no caso da assistência viagem, antes da resolução da SUSEP, a seguradora era a responsável por custear o atendimento médico e hospitalar do segurado, também limitado ao valor contratual. O viajante não precisava se preocupar com possíveis gastos adicionais.

Entretanto, a assistência viagem também possui uma grande desvantagem, pois aqui o segurado só poderá ser atendido em locais conveniados à seguradora, exceto em casos de extrema emergência. Não tinha a oportunidade de ir a outro hospital ou clínica e se reembolsado depois.

Agora, o Seguro Viagem engloba a Assistência viagem

Em entrevista com funcionários responsáveis pela assistência à parceiros do Portal Seguros Promo sobre a diferença entre assistência e seguro viagem, eles responderam:

Faça uma cotação de Seguro de Viagem. Garantimos o melhor preço

Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o menor preço do mercado em seguro de viagem.

Faça uma cotação online sem compromissos e confira as várias opções de seguro para o seu próximo destino.

FAZER COTAÇÃO »

Ambos [assistência e seguro viagem] estão inclusos em qualquer plano de seguro viagem e o que faz com que o cliente pague ou não pelo serviço dependerá do hospital ou clínica para onde vá. Se ele for em um hospital conveniado, indicado pela seguradora, o cliente estará coberto pela assistência. Mas, caso queria ir para um hospital de sua preferência ou não haja rede credenciada no local, ele deverá pagar pelos serviços prestados e depois será reembolsado pela seguradora.

Essa opção de assistência viagem e seguro viagem somente é válida em casos de escolha de hospital ou clínica. Em caso de assistência farmacêutica, por exemplo, o cliente deverá pagar para depois ser reembolsado.

Vale a pena usar o seguro viagem do cartão de crédito?

Alguns cartões de crédito oferecem seguro viagem gratuito aos seus clientes, como é o caso da bandeira Visa Platinum, por exemplo. Embora possa oferecer uma boa economia, é preciso estar atento, já que essa modalidade de seguro viagem costuma ter cobertura limitada.

Alguns cartões, por exemplo, oferecem cobertura em caso de morte acidental ou invalidez permanente decorrente de acidentes durante a viagem, mas não cobrem despesas médicas e hospitalares. Além disso, a maioria das bandeiras também exige que o titular adquira as passagens aéreas através do cartão.

Sendo assim, dependendo do cartão, podemos concluir que não vale a pena usar o seguro viagem do cartão de crédito, é mais confiável recorrer às apólices internacionais oferecidas por seguradoras específicas.

Quanto custa?

Um seguro viagem com cobertura mínima custa a partir de R$ 10,00 por dia de viagem, ou seja, muito menos do que o valor de uma simples consulta médica na maioria dos países. É claro que esses valores podem variar bastante, em virtude da idade do segurado, do perfil do mesmo e do país escolhido como destino.

Para você ter uma ideia, fizemos uma cotação no nosso comparador de seguro viagem, considerando uma viagem com permanência de sete dias na Europa para uma pessoa com menos de 70 anos. O plano com melhor custo-benefício foi o Travel Ace 40 Especial Internacional.

Confira abaixo as principais coberturas:

  • Despesas médicas e hospitalares: USD 40 mil;
  • Cobertura odontológica: USD 300;
  • Seguro complementar para bagagem extraviada: USD 1.200;
  • Cancelamento de viagem: USD 2 mil;
  • Total por dia: R$ 10,49.

Conheça também a Travel Ace Assistance e veja se é uma boa seguradora.

Dicas de seguro viagem: como acionar o seguro em caso de emergência?

Antes de viajar, assegure-se de estar levando consigo os meios de contato com a sua seguradora e o número da apólice de seguro. Assim, em caso de emergência médica, poderá entrar em contato com a seguradora para verificar onde ser atendido.

dicas seguro viagem acionar seguradora

Quando e onde contratar um seguro viagem?

O seguro viagem deve ser contratado antes da data prevista para o início da sua viagem. Você pode contratar a sua apólice diretamente nas seguradoras (agências físicas) ou contratar um corretor que atenda em domicílio.

Contudo, há uma forma muito mais prática de garantir uma viagem tranquila, sem sair de casa, como o nosso comparador de seguro viagem online. Em parceria com o portal Seguros Promo, oferecemos planos das melhores seguradoras do Brasil, e você ainda pode comparar planos, preços e coberturas diferentes e escolher qual o seguro ideal para a sua viagem. Nesse caso, as apólices são digitais e enviadas para o e-mail do titular.

Garanta seu desconto

Quer mais dicas de seguro viagem? Então nada melhor do que conseguir um bom seguro com economia. Mais uma vez, você pode utilizar o nosso comparador de seguro viagem ou então o portal Seguros Promo e comprar o seu seguro com até 10% de desconto.

Os primeiros 5% de desconto você garante ao realizar o pagamento por meio do boleto bancário. Já os 5% restantes você adquire ao inserir no campo “Código promocional” o nosso cupom de desconto SVP5.

Mais dicas de seguro viagem

Confira outras dicas de seguro viagem para garantir férias tranquilas:

  • Antes de assinar contrato, leia atentamente as condições gerais do seguro viagem, como coberturas oferecidas, regras para reembolso ou para atendimento médico em caso de emergência;
  • Antes de embarcar, imprima a apólice de seguro e leve-a com você. Além de possuir todas as informações sobre o plano contratado, ela poderá ser exigida da imigração do país de destino;
  • Caso tenha algum problema com seu seguro viagem, entre em contato com a SUSEP (Superintendência de Seguros Privados). Esse é o órgão do governo responsável pela autorização, controle e fiscalização dos mercados de seguros no Brasil.

Andrea Côrtes

Andrea é jornalista que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Já se aventurou pelo Brasil, Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e trabalha em tempo integral com produção de conteúdo sobre morar na Europa, seguros de viagem e dicas de turismo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo